Março foi fantástico

01 abril 2017


O mês de Março começou com uma motivação que eu não tinha há muito tempo. Falei-vos do meu excesso de peso, de como me sentia e até vos contei que experimentei um desafio de nutrição de 6 dias, que por acaso correu muito bem!

Esta minha vontade enorme de continuar focada em mudar os meus péssimos hábitos alimentares e de exercício físico tem dado frutos e é sobre isso que vos quero falar hoje. Porque a verdade é essa, eu não consigo caber em mim de tão feliz e orgulhosa que estou da minha pessoa. E o que é que eu mudei? Muita pouca coisa, acho eu. Mas primeiro vou-vos mostrar os resultados mais evidentes...



Para muitos, a diferença não é notória, mas para mim é. Estou menos inchada, menos mal disposta, tenho sempre uma energia brutal pela manhã (antes levava 1h até ficar mais ou menos acordada) e a minha pele está fantástica! Hidratada, brilhante e até as borbulhas da puberdade começaram a abandonar o meu rosto.

Agora quero falar-vos em números: no dia 26/02/2017 pesava 75,9kg, o que para mim foi um choque Eu era 37,90% de gordura e 44,20% de água. As minhas medidas estavam em 99cm de peito, 81cm de ABS, 91cm de cintura e 106cm de anca. E achava eu que comia bem, que bebia muita água e que até fazia algumas caminhadas. Bullshit. Essa era eu, na primeira foto.
Hoje, dia 01/04/2017 peso 71,4kg, menos 4,5kg e sinto-me super bem! Consegui baixar a gordura para 33,50%, menos 4,40% e aumentei a água para 47%, mais 2,80%. E as medidas? Aí sim é que eu noto uma bruta diferença. As blusas ficam largas, as calças caem-me e as cuecas que comprei em Janeiro ficam-me supeeer largas. Outro problema é os sutiãs: eu compro sempre no tamanho em que possa apertar ao meio, já não tenho mais por onde apertar mais. Ficam-me largos! E porquê? As minhas medidas agora são de 93cm de peito, 76cm de ABS, 85cm de cintura e 102cm de anca.

Mas tudo isto não caiu do céu. Obviamente que temos de batalhar para lá chegar. Sei que vos falei que não ia investir em batidos, mas investi. Comprei um potezinho da Herba e sinceramente para mim é o mesmo que fazer um pequeno-almoço normal. Coloco aquele pó num copo, fruta, sementes, cacau em pó ou canela, tanto faz e misturo. Simples, prático e rápido. Ultimamente comecei a inovar mais e já o faço para comer à colher como se fosse papa ou iogurte, para massa de panquecas ou de bolo de caneca no microondas. Se é caro? Sim, é, mas eu quis experimentar e não tendo mais vícios ou coisas que me façam gastar dinheiro, não me causa entraves.
Como é óbvio não fiquei viciada naquilo. É o meu pequeno-almoço, fico satisfeita até ao lanche da manhã e daí em diante. Não o tomo em mais hora nenhuma, isso nem faz sentido para mim, mas para as manhãs foi a opção mais acertada, pois era onde eu comia as piores coisas e as menos nutritivas!

De resto, cortei nos fritos, totalmente. Reduzi ao máximo a ingestão de massas e de arroz. Até comprei arroz integral (que leva séculos a cozer). Passei a beber 2L de água por dia! Troquei o pão branco por pão escuro/de sementes. Comecei a fazer lanches saudáveis e a comer a cada 2h/3h para o corpo não sentir fome.
Agora como muitos legumes, muita sopa sem batata, muita gelatina, muita fruta e muitos frutos secos. Se sinto fome? Não, a não ser que esteja fora do meu ambiente e fora das horas que devia respeitar.
Outra coisa que passei a fazer e para a qual dou sempre desculpas: caminhadas. 3 vezes por semana, uma caminhada de 30min - 2km depois de jantar e do trabalho. 1 vez por semana, uma caminhada de 1h - quase 6km.

Sei que prometi partilhar algumas ~travias~ que tenho cozinhado, mas Março foi duro e para conseguir cumprir os meus objectivos tive de mudar em muito a minha rotina. Valeu 200% a pena! Sou mais feliz, mais divertida, mais leve, mais e mais e mais.



Mais alguém por aí que ande na luta por uma vida melhor?

12 comentários

  1. Muitos parabéns!:D

    Another Lovely Blog!, http://letrad.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Já fiz essa dieta e resultou sim senhora! Perdi muitos quilos. Mas decidi optar por não beber batidos. Actualmente por exemplo como de manhã iogurte com aveia e granula + fruta. Quando há tempo faz se ovos e panquecas de aveia. Gosto muito da dieta Paleo mas não sigo à regra!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os batidos é tudo uma questão de "cérebro". São práticos e rápidos, mas a mim não me causam vicio. Ao fim-de-semana faço bem o "desmame" da coisa e ~asneiro-me~ como quero, fazendo coisas boas dessas que fazes :P
      Para quem mete aquilo na cabeça acredito que seja muito dificil aliviar. Quanto à paleo, gosto muito de algumas ideias dessa dieta, mas prefiro manter o meu registo.

      Eliminar
  3. Respostas
    1. Obrigada! E vamos lá com força, né? :p

      Eliminar
  4. Muitos parabéns, Vanessa!! Fico mesmo muito feliz por ler estes teus resultados e te estar a acompanhar! Como bem sabes, também estou a reeducar-me, quero imenso partilhar convosco, contudo, quero esperar mais um mês para ir descobrindo ainda mais métodos, receitas e informações!
    Tenho a certeza de que chegarás à tua meta de forma saudável, feliz e muito grata!
    Beijinhos!

    LYNE

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como já passou um mês, consigo já falar um pouco do assunto. Ainda vou partilhar algumas receitas, mas as fotos são miseráveis! Só tenho mesmo o resultado final ahah
      Mas fico contente quando vejo a evolução dos outros e a tua tem sido muito boa :D go, go, girl!

      Eliminar
  5. Óptimos resultados!! Os meus parabéns :D
    Relativamente ao arroz integral, se comeres arros thai, jasmine ou arro sem gluten também pode ajudar :) Massa integral também :)

    Cátia ∫ Meraki

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Por acaso já vi o jasmine, mas achei que não era adequado. Hei-de experimentar :P obrigada.

      Eliminar
  6. Inspiraste-me a voltar para a elíptica e a beber mais água! :)

    Porque os teus resultados são muito bons!***

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ohhhh :D fico muito feliz pela decisão!
      Qualquer apoio à motivação, talk to me, baby :D

      Eliminar

© let's do nothing today por Vanessa Moreira.