07 outubro 2016

Gatos não eram para mim

Luna linda :3
Sempre tive cães e os gatos nunca foram permitidos. Tinha uma vizinha, que tinha imensos, todos vádios. Até lhes achava graça, mas sempre me fizeram ver que eles não eram desejados, tanto que os meus cães de caça os odiavam!
Familiares com gatos eram poucos e, todos sabemos, gatos mais velhos e que mal nos conhecem dificilmente nos dão a ~pata. Sempre me fiquei assim: os gatos ali e eu aqui. Ao fim de 23 anos a coisa mudou.

Desde que comecei a trabalhar em Março que vou para a casa de uma prima na hora de almoço. Ela já tinha uma gata, embora meiga e assim, nunca teve grande "intimidade" comigo. Pouco tempo depois de eu começar a ir lá, comecei a ouvir miar, mas nem sabia de onde. Um dia, numa ida ao WC olhei para o canto, para uma caminha e lá estava uma bolinha preta com uns olhos verdes super redondinhos: acabara de conhecer a Luna, a nova habitante da casa.

A bichinha era tão pequenina que ainda não se aventurava pela casa, nem nada parecido. Semanas depois sempre que eu chegava, ela ia ver-me e queria era que lhe desse colinho. Fiquei rendida. Desde aí que sempre que chego lá, ela vai ver-me e fazer-me companhia enquanto almoço.

Outra coisa que eu lia por aí é que os gatos captam as nossas energias negativas e por isso é que vão para o nosso colo, para nos ajudar. Só descobri que isso era mesmo verdade quando comecei a reparar que nos dias mais stressantes ela vinha para o meu colo e não saía dali. A sério, como é que os gatos conseguem ser tão fantásticos e eu nunca percebi isso?!

13 comentários :

  1. Ahhh pois é! Os gatos conquistam-nos com as suas subtilezas. Confesso que sempre adorei gatos e cães, mas que sempre quis gatos em casa. Dou-me melhor com eles, porque respeitam mais o nosso espaço e não querem estar sempre grudados a nós, mas quando é hora do mimo, é para ser a sério! :D

    E isso de captarem as nossas energias negativas é tão verdade! Lembro-me perfeitamente de ter descoberto isso um dia, quando tinha 17 anos e estava a chorar. O meu gato (que entretanto já faleceu), ficou muito quieto a olhar para mim com uns olhos tristes e atentos e depois subiu-me para o colo. Acalmei logo. É algo mágico, diria. :)

    www.joanofjuly.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu tenho a perfeita noção de que não quero ter animais de estimação quando tiver a minha casa. Apego-me demais aos animais e ultimamente tenho reparado nisso, porque perdi alguns bichinhos este ano e é cá um aperto. Assim como assim também não vamos ter tempo os dois, por isso...

      Só que ter um gato é estranho, porque eles são super independentes, mas também fazem-nos uma companhia diferente.

      Eliminar
  2. Eu cá sofro do mesmo, antes não era nada fã deles e agora admiro-os bastante, toda a beleza deles e aquele sentido de independência, e depois parece que nos conseguem ver por dentro quando nos olham nos olhos.

    Another Lovely Blog!, http://letrad.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Completamente! Olham para nós como se estivessem a ler qualquer coisa :D

      Eliminar
  3. Nunca tive animais mas gostava. Pessoalmente prefiro cães, mas os gatos na sua simplicidade conseguem aconchegarnos e fazernos sentir melhor. Já agora sou a SomeoneOutThere do watercolourthoughts.blogs.sapo.pt, não sei se sabes, mas estou a mudar-me também para esta plataforma (apesar de ainda não ter dito lá no blog) e tenho uma pergunta de personalização que ficava muito agradecida se pudesses ajudar, se quisesses e tivesesses o tempo para responder claro! Eu queria adicionar um menu como aquele que tens no cimo em que está "sobre" "blogroll" "contacto", mais ou menos no mesmo tom que tu, apenas um pouco mais escuro, como o posso fazer?
    Obrigada e estou a adorar este teu novo cantinho, os posts e a personalização. Bjs e continua!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso vais ter que ver o que tens no teu template ou naquele que queres fazer. Se pesquisares no google como é que adicionas o menu, encontras imensas dicas, mas se já o tiveres é só procurares por ele nos meio dos códigos e alterares a cor. É simples, se perceberes minimamente de CSS.

      Eliminar
  4. Eu amo gatos!
    Tenho um que é um traquinas e faço voluntariado numa associação, onde dou mimos a bastantes!!

    ResponderEliminar
  5. Os gatos são, de facto, maravilhosos! Eles dão conta de tudo. Por exemplo, no meu tempo de faculdade, naqueles dias em que eu passava o dia a estudar para as frequência, a minha gata estava sempre a meu lado.

    Cátia ∫ Meraki

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tenho amigos que relatavam isso e eu achava que era só a pedirem mimos ou atenção, mas não, só a presença deles já nos acalma e isso é fenomenal.

      Eliminar
  6. Eu sempre soube que o meu animal de vida seria um gato.
    Mesmo quando os meus pais não me deixavam ter um :P

    Quando aos 25 fui morar sozinha e adotei o Snape, ainda mais acfreditei no Universo! É O meu gato, o que só podia estar reservado para mim :)
    E o meu amor por bichanos cresceu... salvei a Mélita da rua, resgatei o Botinhas... e quem sabe venha a ter mais um gato, agora com a casa nova.

    Beijinho,

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Toda uma familia feliz :D
      As duas gatinhas da minha prima também eram bebés quando as encontraram. A mais velha tinha uma mana, que eles adotaram, mas a pequenina estava doente e acabou por morrer. Então eles quiseram ficar com a mana dela e pronto, lá anda a gorda Violeta dona do seu nariz. A Luna foi mais uma gatinha que eles encontraram e sinceramente é um amor e adoooora mimos! :D

      Eliminar
  7. Os gatos são incríveis! É uma pena que as pessoas tenham tão má imagem deles... Mas fico contente que te estejas a converter =P

    Beijinho
    A.R.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Completamente! Mesmo assim, no futuro, não tenciono ter nenhum porque não terei tempo para eles :/

      Eliminar

UP!